quarta-feira, 30 de julho de 2008

Pesquisa revela que André Cintra é chamado mais de 30 vezes por dia em seu trabalho

Em pesquisa realizada entre os dias 21 e 30 de julho, foi constatado que o estagiário André Cintra, 21, é chamado, em média, 32 vezes por dia. Sua chefe lidera o ranking, com 31 pedidos diários.

André mesmo fez o levantamento, marcando com um tracinho a cada vez em que era chamado. "Fiz tantos tracinhos, que receei que a tinta da caneta acabasse", garante o jovem. De fato, é possível notar que nos primeiros dias, as anotações estão mais fortes do que nos últimos dias, quando é possível notar uma maior pressão na caneta.

Ele diz não se importar com o grande número de chamados - 4 vezes por hora - já que é sinal de que está trabalhando. "É melhor ser chamado e ter um salário do que não ser chamado e não ter um salário!", diz em muito bom humor.

Após o dia 31, esse número de chamadas deve diminuir, já que os outros estagiários voltarão ao serviço e André trabalhará menos horas - cerca de seis diárias.

Um comentário:

. disse...

Castigo, né? Hum, não tinha pensado nisso. Se tiver um castigo pra cada um que entra no meu blog e não comenta... Onde faz esse pedido pras divindades?

E, "É melhor ser chamado e ter um salário do que não ser chamado e não ter um salário!", com certeza essa frase foi retirada dos 49% coeficiente Einsten! rs

Como esse é o melhor blog do mundo e os comentários aqui ficam na casa do milhão, apareço mais vezes, leio e comento.

To baixando Bidê e Balde, já tinha “ouvido falar isclusive”.

; )